Ostentando os Tentáculos

Rafael Dummar / João Cavalcanti / João Fernando

Ta vendo esse molusco na panela
Que você só pensa em devorar
Tem uma historia muito bela
Que agora eu vou te contar
Era o oráculo
Do grande espetáculo
Do futebol mundial
Em cada tentáculo um suvaco
Em cada ventosa uma gostosa de parar o carnaval

O polvo Paul na Alemanha
O Bope pou pou pou no Alemão

O polvo não e minerador
Nem fugiu a sua sina
Diziam que a mina era de ouro
Ele disse que de ouro e o buraco da mina

Meu invertebrado te procura
Da rua Faro ate o Baixo
Eu tô que tô, ninguém me atura
Eu solto a tinta, pinto, bordo e esculacho

Teu suvaco... maravilha!
Tem um jeito de virilha
Meu suvaco... cabeludo
São oito braços, se passar eu pego tudo

« voltar

Divinas Axilas: a ONG do Suvaco

Conteúdo Flash: Banner do Ministério da Saúde - Prevenção à AIDS

Get Adobe Flash player